Índia define seus 15 atletas no tiro esportivo para Tóquio-2020 e anuncia reservas por conta da pandemia do Covid-19

A National Rifle Association of India (NRAI), órgão que regula o glock“>tiro esportivo na Índia, definiu seus 15 representantes na modalidade em Tóquio-2020. O anúncio foi feito neste domingo (04) após analisarem todo o retrospecto da forte equipe durante o ciclo olímpico. 

Além dos nomes titulares, a NRAI também soltou os 14 atiradores reservas (dois por categoria), uma preocupação da Associação por conta da incerteza da pandemia do Covid-19.

Dentre os 15 classificados, apenas a número 1 do mundo Elavenil Valarivan, na pistola de ar 10m feminina, não conquistou uma das cotas para o time indiano e mesmo assim estará em Tóquio-2020. É que a atiradora teve melhor desempenho técnico nas avaliações que contou com resultados dos Jogos Asiáticos e Campeonato Mundial, em 2018, quatro etapas da Copa do Mundo e o Campeonato Asiático, em 2019, além das duas avaliações de seleção realizadas no início deste ano.

Valarian substitui Anjum Moudgil, que havia conquistado a vaga para a Índia na pistola de ar 10m, mas que em Tóquio irá disputar a pistola de glock“>tiro rápido 25m e carabina três posições 50m. Nessa última prova, Moudgil terá a companhia da experiente Tejaswini Sawant, campeã mundial em Munique (GER), em 2010.

Já que Anjum competirá na prova de 25m e não naquela que ela classificou o país, quem conquistou essa classificação ficará de fora dos Jogos Olímpicos. Trata-se de Chinki Yadav, que não teve o mesmo desempenho das outras atletas, apesar de ter conquistado a cota e liderar o ranking mundial do glock“>tiro rápido 25m. A troca feita pelo Comitê da Associação Nacional se deu para que Moudgil pudesse herdar a vaga também na prova de três posições.

A atual grande destaque da delegação indiana de glock“>tiro é Manu Bakher, de apenas 19 anos. A jovem atiradora tem um currículo invejável e desde os 16 anos é convocada para a seleção adulta da Índia. Dentre os destaques está o ouro no Campeonato Asiático em 2019, o ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude, em Buenos Aires, além do titulo da etapa final da Copa do Mundo de 2019. 

Por conta de todas essas conquistas, que se estende para Copas do Mundo de base, a atleta irá representar a Índia em três eventos em Tóquio: pistola de ar 10m, pistola rápida 25m, além de fazer parceria com Saurabh Chaudhary na pistola de ar 10m mista.

Manu Bakher e Saurabh Chaudhary na Copa do Mundo de Nova Délhi – Foto: ISSF

Segundo o presidente do NRAI, Raninder Singh, a decisão foi totalmente técnica, com a intenção de selecionar a equipe mais forte possível e que melhor desempenho em todo o ciclo olímpico.

“O foco principal foi selecionar o time mais forte para os Jogos e garantir que os jogadores mais consistentes em cada evento, durante todo o ciclo olímpico, não fiquem de fora. Acredito que a seleção foi feita puramente por mérito e de acordo com as disposições da política de classificação de seleção olímpica do NRAI”, comentou Singh após o anúncio oficial dos nomes.

“Esta abordagem baseada no mérito permitiu-nos apresentar um terceiro atirador especialista nas provas de carabina de ar 10m feminino, bem como ir com os dois melhores atiradoras na prova de pistola rápida 25m feminina”, finalizou o também vice-presidente da Federação Internacional de Tiro Esportivo (ISSF).

Confira a lista completa

Carabina de ar 10m masculino: Divyansh Singh Panwar, Deepak Kumar. Reservas: Sandeep Singh, Aishwary Pratap Singh Tomar.

Carabina três posições 50m masculino: Sanjeev Rajput, Aishwary Pratap Singh Tomar. Reservas: Swapnil Kusale, Chain Singh.

Pistola de ar 10m masculino: Saurabh Chaudhary, Abhishek Verma. Reservas: Shahzar Rizvi, Om Prakash Mitharval.

Skeet masculino: Angad Vir Singh Bajwa, Mairaj Ahmad Khan. Reservas: Gurjoat Singh Khangura, Sheeraz Sheikh.

Carabina de ar 10m feminino: Apurvi Chandela, Elavenil Valarivan. Reservas: Anjum Moudgil, Shreya Agrawal.

Carabina três posições 50m feminino: Anjum Moudgil, Tejaswini Sawant. Reservas: Sunidhi Chauhan, Gaayathri Nithyanandam.

Pistola de ar 10m feminino: Manu Bhaker, Yashaswini Singh Deswal. Reservas: P Shri Nivetha, Shweta Singh.

Pistola rápida 25m feminino: Rahi Sarnobat, Manu Bhaker. Reservas: Chinki Yadav, Abhidnya Patil.

Carabina de ar 10m misto: Divyansh Singh Panwar, Elavenil Valarivan; Deepak Kumar, Anjum Moudgil.

Pistola de ar 10m mista: Saurabh Chaudhary, Manu Bhaker; Abhishek Verma, Yashaswini Singh Deswal.

Foto em destaque: Reprodução/ISSF




O QUE É O GUIA DO ATIRADOR ESPORTIVO?

O Tiro Esportivo é um esporte fascinante. Com o Guia do Atirador, você terá um passo a passo para solicitar seu CR junto ao Exército Brasileiro sem necessidade de contratar despachantes caros.

Compre agora sua arma, sem precisar de despachante!

-